Ângelo de Aquino

NASCIMENTO / MORTE

1945 – Belo Horizonte MG – 02 agosto
2007 – Rio de Janeiro RJ – 20 junho

FORMAÇÃO

1961 – Rio de Janeiro RJ – Começa a pintar aos 16 anos no ateliê de Roberto Moriconi. Convive com Rubens Gerchman, Roberto Magalhães e Antônio Dias.

GALERIA

Angelo de Aquino – Vida de Cachorro – Liquitex sobre tela – 80 x 100 cm – 1989

CRONOLOGIA

Pintor, desenhista, fotógrafo, artista multimídia

  • 1960 – Rio de Janeiro RJ – Vive nessa cidade
  • 1965 – São Paulo SP – É um dos organizadores do evento Propostas 65, na Faap
  • 1970/1972 – Milão (Itália) – Vive nessa cidade
  • 1977 – Rio de Janeiro RJ – É um dos organizadores da exposição Identification of Artist – a book, na Escola de Artes Visuais do Parque Lage – EAV/Parque Lage
  • 1984 – Rio de Janeiro RJ – Cria o personagem cão Rex
  • 1986 – Paris (França) – Vive nessa cidade
  • 1989 – Rio de Janeiro RJ – Participa como júri no 13º Salão Carioca de Arte, na Estação Carioca do Metrô

EXPOSIÇÕES INDIVIDUAIS

  • 1966 – Belo Horizonte MG – Individual, na Galeria Guignard
  • 1969 – Rio de Janeiro RJ – Individual, na Petite Galerie
  • 1970 – Rio de Janeiro RJ – Individual, na Galeria Goeldi
  • 1973 – Poznan (Polônia) – Individual, na Galeria Akumulatory 2
  • 1978 – Rio de Janeiro RJ – Individual, na Petite Galerie
  • 1978 – São Paulo SP – Individual, na Galeria Global
  • 1982 – Rio de Janeiro RJ – Individual, na Galeria Ibeu
  • 1984 – Rio de Janeiro RJ – Individual, na Petite Galerie
  • 1985 – São Paulo SP – Individual, no Subdistrito Comercial de Arte
  • 1986 – Paris (França) – Individual, na Galeria Sculpture
  • 1987 – São Paulo SP – Individual, na Galeria Montesanti
  • 1987 – Rio de Janeiro RJ – Individual, na Galeria Montesanti
  • 1988 – Rio de Janeiro RJ – Individual, na Galeria de Arte Ipanema
  • 1988 – Rio de Janeiro RJ – Individual, na Galeria GB
  • 1989 – Paris (França) – Individual, na Galeria de Poche 1900-2000
  • 1990 – Rio de Janeiro RJ – Individual, na Galeria de Arte Ipanema
  • 1992 – Paris (França) – Individual, na Galerie 1900-2000
  • 1992 – Rio de Janeiro RJ – Individual, na Galeria de Arte Ipanema
  • 1994 – Rio de Janeiro RJ – Rex faz dez: pinturas 84/94, no CCBB
  • 1995 – Rio de Janeiro RJ – O Artista e o Colecionador: Angelo de Aquino na Coleção Gilberto Chateaubriand, no MNBA
  • 1997 – Rio de Janeiro RJ – Auto-Retratos 1983-1997, na Casa de Cultura Laura Alvim
  • 1998 – Rio de Janeiro RJ – Angelo de Aquino: Duas Pinturas, 1989-1998, na Galeria Toulouse
  • 1998 – Waltham (Estados Unidos) – Individual, na The Bentley College Art Gallery
  • 2000 – Rio de Janeiro RJ – Angelo de Aquino – 55, na Galeira GB
  • 2002 – Rio de Janeiro – RJ – Exposição individual na Galeria Marcia Barrozo do Amaral.
  • 2004 – Rio de Janeiro – RJ – O artista comemora seus 40 anos de pintura e 20 anos de Rex com a exposição individual 20 x 40, na Casa França-Brasil.
  • 2004 – Rio de Janeiro – RJ – “Rio -Milão Anos 70”, na Galeria Marcia Barroso do Amaral

EXPOSIÇÕES COLETIVAS

  • 1965 – Rio de Janeiro RJ – 1º Salão Esso de Artistas Jovens, no MAM/RJ
  • 1965 – Rio de Janeiro RJ – Opinião 65, no MAM/RJ
  • 1965 – São Paulo SP – 1º Salão Esso de Artistas Jovens, no MAC/USP
  • 1965 – São Paulo SP – Propostas 65, na Faap
  • 1966 – Belo Horizonte MG – Vanguarda Brasileira, na UFMG
  • 1966 – Rio de Janeiro RJ – Opinião 66, no MAM/RJ
  • 1966 – Salvador BA – 1ª Bienal Nacional de Artes Plásticas
  • 1968 – Curitiba PR – 25º Salão Paranaense de Belas Artes, na Biblioteca Pública do Paraná
  • 1968 – Rio de Janeiro RJ – 17º Salão Nacional de Arte Moderna, no MAM/RJ
  • 1968 – Rio de Janeiro RJ – 8 Artistas, na Petite Galerie
  • 1969 – Rio de Janeiro RJ – Angelo de Aquino, Miguel Rio Branco e Lee Jaffe, na Galeria Goeldi
  • 1969 – Rio de Janeiro RJ – Salão da Bússola, no MAM/RJ
  • 1971 – Liege (Bélgica) – Information, na Yellow Now Galerie
  • 1972 – Brno (Tchecoslováquia, atual República Tcheca) – House of Art
  • 1972 – Gottingen (Alemanha) – A. R. T. Gottingen Kunstkonkreb
  • 1972 – Lausanne (Suíça) – Attention, na Galeria Impact
  • 1972 – Porto Rico – 5 Brasileiros, na University of Porto Rico
  • 1972 – Poznan (Polônia) – Net Show
  • 1972 – São Paulo SP – 72ª Mostra de Arte Sesquicentenário da Independência e Brasil Plástica, na Fundação Bienal
  • 1972 – Sydney (Austrália) – Communication Trans/Art 3, na Inhibrodness Galerie
  • 1972 – Rio de Janeiro RJ – Grupo B
  • 1973 – Budapeste (Hungria) – Mirror, na Balonttonboglar-Chapel
  • 1973 – Reykjavik (Islândia) – A. R. T. , na Summ Gallery
  • 1973 – Rio de Janeiro RJ – Indagação sobre a natureza, função e necessidade da obra de arte, na Galeria de Arte Ibeu
  • 1973 – São Paulo SP – 6 Artistas Conceituais, no MAC/USP
  • 1974 – Maastrich (Holanda) – Art and Ideology in Latin America, no Agora Studio
  • 1974 – São Paulo SP – 8º Jovem Arte Contemporânea, no MAC/USP
  • 1974 – São Paulo SP – Prospectiva 74, no MAC/USP
  • 1976 – Kyoto (Japão) – 18 Latin American Artists, na Gallery Art Core
  • 1976 – São Paulo SP – 2ª Multimedia, no MAC/USP
  • 1976 – São Paulo SP – The Seventies, no MAM/SP
  • 1977 – São Paulo SP – Mostra, no MAC/USP
  • 1979 – Rio de Janeiro RJ – 2º Salão Nacional de Artes Plásticas, no MAM/RJ
  • 1981 – Rio de Janeiro RJ – Do Moderno ao Contemporâneo: Coleção Gilberto Chateaubriand, no MAM/RJ
  • 1982 – Lisboa (Portugal) – Brasil 60 Anos de Arte Moderna: Coleção Gilberto Chateaubriand, no Centro de Arte Moderna José de Azeredo Perdigão
  • 1982 – Lisboa (Portugal) – Do Moderno ao Contemporâneo: Coleção Gilberto Chateaubriand, no Centro de Arte Moderna José de Azeredo Perdigão
  • 1982 – Londres (Inglaterra) – Brasil 60 Anos de Arte Moderna: Coleção Gilberto Chateaubriand, na Barbican Art Gallery
  • 1984 – Rio de Janeiro RJ – Viva a Pintura, na Petite Galerie
  • 1984 – São Paulo SP – Coleção Gilberto Chateaubriand: retrato e auto-retrato na arte brasileira, no MAM/SP
  • 1985 – Rio de Janeiro RJ – Opinião 65 – 20 Anos, na Galeria Banerj
  • 1985 – Rio de Janeiro RJ – Velha Mania: desenho brasileiro, na EAV/Parque Lage
  • 1986 – Paris (França) – Los Americanos, na Galeria Arteurial
  • 1986 – Paris (França) – Mostra, na Fiac 86 e na Galerie 1900-2000
  • 1987 – Paris (França) – São Paulo – Rio – Paris, na Galerie 1900-2000
  • 1987 – Rio de Janeiro RJ – Ao Colecionador: homenagem a Gilberto Chateaubriand , no MAM/RJ
  • 1987 – Rio de Janeiro RJ – São Paulo – Rio – Paris, na Montesanti Galleria
  • 1987 – Rio de Janeiro RJ – Gesto Alucinado, no Rio Design Center
  • 1987 – São Paulo SP – Gesto Alucinado, no MIS/SP
  • 1987 – São Paulo SP – São Paulo – Rio – Paris, na Galeria Montesanti Roesler
  • 1988 – Rio de Janeiro RJ – Hedonismo: Coleção Gilberto Chateaubriand, na Galeria Edifício Gilberto Chateaubriand
  • 1988 – Rio de Janeiro RJ – O Eterno é Efêmero, na Petite Galerie
  • 1988 – Rio de Janeiro RJ – Ponte para o XXI, no Rio Design Center
  • 1989 – Cannes (França) – 1er Bienalle Internationale de la Jeune Peinture Humour et Revolution
  • 1989 – Girone (Espanha) – 1er Bienalle Internationale de la Jeune Peinture Humour et Revolution
  • 1989 – Freiburg (Alemanha) – Viva Brasil, na Ruta Correa Gallery
  • 1989 – Nice (França) – Art Jonction Internationale, na Galerie 1900-2000
  • 1989 – Paris (França) – Viva Brasil, na Galerie 1900-2000
  • 1989 – Rio de Janeiro RJ – Caminhos, no Rio Design Center
  • 1990 – Freiburg (Alemanha) – Aspekte Latein Amerikanische Künster in Paris, na Ruta Correa Gallery
  • 1990 – Nice (França) – Art Jonction Internationale, na Artension Magazine
  • 1991 – Doterhausen (Alemanha) – Aspekte Latein Amerikanische, na Worforum
  • 1991 – Freiburg (Alemanha) – Art Frankfurt, na Ruta Gallery
  • 1991 – Paris (França) – 6 Artistas Latino-Americanos, na Galerie 1900-2000
  • 1991 – Rio de Janeiro RJ – Coleção Gilberto Chateaubriand, no MAM/RJ
  • 1992 – Paris (França) – Diversité Latino-Americaine, na Galerie 1900-2000
  • 1992 – Paris (França) – Tapis d’Artistes, na Galerie 1900-2000
  • 1992 – Rio de Janeiro RJ – Eco-Art, no MAM/RJ
  • 1993 – Maubeuge (França) – 1a Trienalle das Ameriques
  • 1993 – Paris (França) – Natures Mortes, na Galerie Gloria Cohen
  • 1993 – Rio de Janeiro RJ – 1º A Caminho de Niterói – Coleção João Sattamini, no Paço Imperial
  • 1993 – São Paulo SP – O Desenho Moderno no Brasil: coleção Gilberto Chateaubriand MAM/RJ, na Galeria de Arte do Sesi
  • 1994 – Rio de Janeiro RJ – O Desenho Moderno no Brasil: Coleção Gilberto Chateubriand, no MAM/RJ
  • 1994 – São Paulo SP – Bienal Brasil Século XX, na Fundação Bienal
  • 1995 – Porto Alegre RS – Angelo de Aquino e Rubens Gerchman, na Bolsa de Arte de Porto Alegre
  • 1995 – Rio de Janeiro RJ – Angelo de Aquino e Rubens Gerchman, no Espaço 999
  • 1995 – Rio de Janeiro RJ – Da Cor do Rio, no Espaço Cultural dos Correios
  • 1995 – Rio de Janeiro RJ – Opinião 65: 30 anos, no CCBB
  • 1996 – Rio de Janeiro RJ – Petite Galerie: uma visão da arte brasileira, no Paço Imperial
  • 1997 – Paris (França) – L’Histoire d’en Face, na Galerie 1900-2000
  • 1997 – Rio de Janeiro RJ – AR: exposição de artes plásticas, brinquedos, objetos e maquetes, no Paço Imperial
  • 1998 – São Paulo SP – O Moderno e o Contemporâneo na Arte Brasileira: coleção Gilberto Chateaubriand – MAM/RJ, no Masp
  • 1999 – São Paulo SP – 5ª United Artist – Viagem de Identidade, na Casa das Rosas
  • 2000 – Rio de Janeiro RJ – Situações: arte brasileira anos 70, na Fundação Casa França-Brasil
  • 2000 – São Paulo SP – Arte Conceitual e Conceitualismos: anos 70 no acervo do MAC/USP, na Galeria de Arte do Sesi
  • 2002 – Rio de Janeiro RJ – Arte em Campo, no Centro Cultural da Justiça Federal
  • 2002 – Rio de Janeiro RJ – Caminhos do Contemporâneo 1952-2002, no Paço Imperial
  • 2003 – Rio de Janeiro RJ – Arte em Movimento, no Espaço BNDES
  • 2003 – Rio de Janeiro RJ – Projeto Brazilianart, na Almacén Galeria de Arte
  • 2005 – São Paulo SP – O Corpo na Arte Contemporânea Brasileira, no Itaú Cultural